domingo, 29 de maio de 2011

Modo de Articulação Consonantal

      Abaixo listamos a maneira de articulação dos segmentos consonantais, que são relacionados ao tipo de obstrução de ar:

     Oclusivos – São consoantes que sofrem fechamento de algum dos órgãos (como lábios, arcada dentária, língua, palato, etc.) durante a passagem de ar: [P, B, T, D, K, G].

[p]ato                   ta[p]a
[b]ato                   ta[b]a
 [t]ato                   ta[t]o                 
[d]ato                   to[d]a
[k]ato                   to[k]a
[gato                     to[g]a

Fricativos – São consoantes produzidas pela passagem do ar através de um canal estreito feito pela colocação de dois articuladores próximos um ao outro: [F, V, S, Z, ʃ, ʒ, x].

[f]aca                   
[v]aca  
[s]eca
[z]eca
[ch]á
[j]á
ca[x]ta

Africados - Quando à oclusão segue-se uma fricção, ocorre em algumas variantes do português brasileiro como dia e tia, que tem pronúncia de [djia] e [tchia].

Nasais – São consoantes que, em sua pronúncia, o ar expirado ressoa na cavidade nasal por encontrar abaixados a úvula e o véu palatino. [M, ɲ, ŋ].

[m]ato                                 ca[m]a
[n]ato                                  ca[n]a
Ma[nh]a

Laterais – São consoantes pronunciadas ao fazer passar a corrente de ar nos dois cantos da boca ao lado da língua. [L, LH]

fa[l]a                                    fa[lh]a          
                       
Vibrantes – São consoantes pronunciadas através da vibração de algum elemento do aparelho fonador, em geral a língua ou o véu palatino: p[r]oa, ca[r]o

Tepe - Quando a ponta da língua mantém com os alvéolos um contato de uma só batida: ca[r]a, b[r]ava

Retroflexos - Quando o levantamento e encurvamento da ponta da língua se dirigem ao palato duro: co[rr]a, mo[rr]a.

Um comentário: